quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Eu sei



É a pergunta que mais fiz em toda a minha vida.
É a pergunta que ouço ao menos duas vezes por dia.
Nem sempre encontro respostas.
Porquê Maman?

E da pergunta, nasce cada dia com mais certezas esta afirmação: eu sei.
E eu continuo sem saber.
Porquê?

6 comentários:

Virgínia disse...

... a angústia de saber ou de não saber?...
Ainda não me esqueci do prometido email :) Um grande abraço*

mimiko disse...

Eu não sei do que falas... mas actualmente o que eu sei é que já não sei nada, nem da minha própria vida! o inverno faz-me mal... bjos

Vermelho morango disse...

que bonita canção...é ela que me vai acompanhar nesta noite de trabalho em frente ao computador.
beijinhos de saudade

maman xuxudidi disse...

Mimiko, enquanto as crianças estão sempre a fazer a mesma pergunta, "porquê?", há em casa uma pré-adolescente que comença a usar esta afirmação, "eu sei". A canção do Jean Gabin resuma tão bem o ciclo de uma vida que ao fim de contas não sabemos nada!

vera disse...

as crianças são um desafio constante a nós próprios e às nossas certezas e incertezas ...

mimiko disse...

Ah! E esses eu sei vão durar e durar e durar...