quinta-feira, 22 de abril de 2010

Silêncios





As manhãs são muito mais silenciosas que as noites.
Gosto da preguiça matinal dos campos, gosto da luz que espreita ainda muito de leve os tons da terra.
Gosto de Les contours du silence porque acentua a poesia de cada dia, em cada momento, em cada fragmento, longe do rebuliço da cidade.

...

Um novo mini-saco disponível aqui, enquanto preparo uma nova leva deles.

5 comentários:

Owl_mania disse...

lindo post, lindo saco, linda Diane! Bjs

rita pinheiro disse...

vera disse...

É realmente um dom ter a capacidade de apreciar o silêncio, o isolamento que implica a vida no campo ... eu dificilmente o conseguiria e acho que esse é um dos meus principais defeitos.
Admiro-te ! E o teu blog ainda é mais bonito do que aquele que indicas.

mimiko disse...

És mesmo bonita!

Ana disse...

...também gosto de tudo "isso" de que falas... mas especialmente desse silêncio no campo do qual sinto saudades... e gosto também, e muito, das tuas fotos...(mas isso já sabias!!)... beijo!