quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

A "garota" da Natália







Se não fosse a bonita claridade da manhã;
Se não fosse o passeio a pé para levar a C. à escola;
Se não fosse no regresso, a porta entreaberta da casa da Natália;
Se eu não fosse persitente, chamando por ela, nunca teria visto as lindas mantas e almofadas de retalhos que um dia e já lá vão os anos, a "garota" dela fiz.
Com os restos de roupas velhas, vestidos e camisas, juntou-os sem nunca ter aprendido o ofício!



10 comentários:

Vermelho morango disse...

Que descoberta linda!

Wicca disse...

Maravilhoso!!!

♥ meninheira disse...

que maravilha!

isabel disse...

Estou impressionada! Obrigada pela partilha!

Batixa disse...

Lindo!!!

Ana V. disse...

A necessidade aguça o engenho!

Era assim noutros tempos sem livros, net ou workshops.

Parabéns à Natália e obrigada pela partilha.

Owl_mania disse...

Fantásticas! Adorei!

Virgínia disse...

é tão bom econtrar tesouros inesperados!

umademim disse...

xiiiiii... que lindas!

Eva Lima disse...

Lindas e exactamente como era a ideia original: reaproveitar e reciclar.